Buscar artigos

Login

Psicologia Econômica

 

 

Para falar um pouco de Psicologia Econômica recorremos ao livro Psicologia Econômica – Estudo do comportamento econômico e da tomada de decisão- Dra. Vera Rita de Mello Ferreira-Editora Campus-2008  e  também à entrevista concedida ao CORECOM.

 

A Psicologia Econômica nasce da necessidade, identificada por pensadores sociais, juristas, economistas e psicólogos, de acrescentar um enfoque mais abrangente à Economia, que não daria conta de explicar suficiente e apropriadamente os fenômenos econômicos, sempre influenciados pela participação humana e, consequentemente, pelas limitações, bem como movimentos, por vezes inesperados, que lhe são inerentes. ( Cap. 2 p.43)

 

A Psicologia Econômica pretende estudar o comportamento econômico dos indivíduos 

( denominados, frequentemente, consumidores, ou tomadores de decisão, do inglês “decision makers”), grupos governos, populações, no sentido de compreender como a economia influencia o indivíduo e, por sua vez, como o indivíduo influencia a economia,

tendo como variáveis pensamentos, sentimentos, crenças, atitudes e expectativas. Portanto, ao contrário dos economistas, que desprezam as anomalias, os psicólogos econômicos fazem delas seu objeto de estudo privilegiado. (Cap.1-p.39)

 

Objetos de estudo da Psicologia Econômica :

 

  • Comportamento Econômico: poupança e previdência, crédito e endividamento, decisões domésticas e socialização econômica, compra compulsiva e meio ambiente.
  •  Análise da Tomada de Decisão no que se refere a comprar, poupar, investir, presentear, apostar, pagar impostos, etc.

 

Economista Herbert Simon – Prêmio Nobel de Economia em 1978-questionou a teoria da racionalidade.

Na década de 50, Simon defendeu a Teoria da Racionalidade Limitada e ganhou adeptos.

 

“Nós não somos plenamente racionais, nós somos limitadamente racionais.”

 

Sempre tomaremos decisões o mais satisfatório possível, pois não é possível pensar em racionalidade plena.

 

Esta teoria serve como base para estudos da Psicologia Econômica até hoje.

 

Em 2002 o prêmio Nobel de Economia  foi outorgado ao psicólogo  econômico Daniel Kahneman, que junto com Amós Tversky, já falecido desenvolveu importantes estudos a respeito de decisão, risco e incerteza e são considerados expoentes na área.

Sugiro o site da Dra. Vera Rita de Mello Ferreira, Representante da IAREP ( International Association for Research in Economic Psychology) no Brasil.

http://www.verticepsi.com.br/site/index.php?option=com_content&view=article&id=62&Itemid=53

Como fonte de pesquisa sobre o assunto.

voltar ao topo

Contato

 Fone:11 5562-4719

 Fax:11 5562-4719

Siga-nos:

Newsletter

Cadastre seu e-mail e receba nosso informativo semanal.

Top of Page